Busca

Carregando...

quarta-feira, 18 de abril de 2007

Como fazer um currículo

Este é um post sobre oportunidades.
Nível: iniciante

Não sou nenhuma especialista em recursos humanos, mas de tanto participar de seleções e entrevistas para emprego percebi que muitos currículos são jogados fora simplesmente porque foram mal elaborados, não seguiram algumas regras básicas.

Para saber o porquê das regras basta você se imaginar no lugar da pessoa que tem uma pilha com centenas de currículos para ler antes de selecionar aqueles que serão chamados para a entrevista ou o teste de aptidão.

  1. NUNCA coloque capa

    Currículo não é trabalho escolar e nem deve se parecer com um. Evite o título Curriculum Vitae, o ideal é que o título do currículo seja seu PRÓPRIO NOME.


  2. Seu nome e dados de contato

    A primeira informação do currículo deve ser SEU SOME e logo depois devem vir os dados de contato e localização: TELEFONES, ENDEREÇO COMPLETO COM CEP e E-MAIL (se tiver e acessar diariamente).

    ATENÇÃO: Infelizmente ainda existem empresas que NÃO LIGAM PRA CELULAR, portanto sempre deixe um TELEFONE fixo PARA RECADO com o NOME DA PESSOA que pode atender em seu nome, já que no horário comercial é de se esperar que você esteja "batendo perna" procurando emprego ou "fazendo bicos".


  3. Dados pessoais

    DATA DE NASCIMENTO, SEXO, NATURALIDADE e NACIONALIDADE. Se você é SOLTEIRO(A) e SEM FILHOS(AS) não deixe de colocar, é o perfil favorito da maioria das empresas.

    ATENÇÃO: Alguns especialistas recomendam que se coloque a IDADE ao invés da DATA DE NASCIMENTO, mas algumas empresas chegam a ficar vários meses com o seu currículo, então faz mais sentido colocar a data de nascimento.

    Só coloque número de documentos (RG, CPF, título de eleitor…) no currículo se a empresa solicitar. Além de desnecessário pode ser perigoso.

    CURIOSIDADE: Eu deixei meu currículo em uma empresa quando eu tinha 17 anos e só fui chamada um ano depois, já com 18 anos e meio. Só durante o processo de seleção eu soube que a empresa não contratava menores de idade, se eu tivesse colocado a idade ao invés da data de nascimento, eles teriam jogado o meu currículo fora e esse não teria sido meu primeiro emprego.


  4. Coloque a que veio

    Não deixe de colocar ÁREA(S) e/ou CARGO(S) DE INTERESSE, PRETENSÃO SALARIAL, DISPONIBILIDADE DE HORÁRIO e DIAS DA SEMANA. Se você já tem experiência profissional coloque suas QUALIFICAÇÕES, que são as funções que você está apto(a) a exercer. Se você colocar suas qualificações não precisa colocar cargos de interesse, a não ser que você esteja disputando vaga para um cargo que nunca exerceu antes.

    ATENÇÃO: Como pretensão salarial coloque o piso da categoria. Se você não tem experiência ou está topando qualquer cargo, coloque ao menos as áreas de interesse (atendimento, comércio, marketing, indústria, vendas…) e como pretensão salarial coloque a partir de um salário mínimo.


  5. Finalmente: a EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL

    Comece sempre pelas experiências mais recentes e coloque no máximo três. Caso você tenha mais de três experiências coloque as três que mais têm relação com o cargo pretendido e/ou as três mais recentes. As informações imprescindíveis são NOME DA EMPRESA, CARGO, FUNÇÃO, DATA DE ADMISSÃO, DATA DE DESLIGAMENTO e TEMPO DE SERVIÇO. Se eles quiserem saber mais vão te chamar para a entrevista. Sempre coloque o TELEFONE do último lugar onde trabalhou e/ou daquele onde fez carreira (mudou de cargo, foi promovido…).

    ATENÇÃO: Talvez você se pergunte: “Se eu coloco data de admissão e data de desligamento, por que preciso colocar tempo de serviço?” Lembre-se da pilha com centenas de currículos! O selecionador não quer perder tempo fazendo contas e se tiver que perdê-lo corre o risco de errar, já que pode estar confuso depois de ter lido tantos currículos ou pode estar apressado para terminar a pilha logo.


  6. Trabalho voluntário

    Só coloque se o trabalho realizado tiver alguma relação com o cargo pretendido. Valem as mesmas regras de experiência profissional.


  7. Coloque sua FORMAÇÃO ACADÊMICA

    Vale a regra: a formação mais recente (e provavelmente mais avançada) primeiro.

    ATENÇÃO: Economize! Se você já terminou o Ensino Médio não precisa colocar onde e quando fez o Ensino Fundamental e a Pré-escola. Se você já terminou o Ensino Superior não precisa dizer que fez Ensino Médio, a não ser que você tenha feito magistério ou curso técnico.


  8. Cursos extra-curriculares

    Coloque primeiro o(s) CURSO(S) DE INFORMÁTICA, logo depois os CURSOS DE IDIOMAS. Por último coloque os OUTROS CURSOS (somente se eles tiverem relação com o cargo pretendido).

    ATENÇÃO: Continua valendo a regra da economia. Se você está cursando Inglês 6 não precisa colocar onde e quando fez Inglês 5, Inglês 4, Inglês 3


  9. Referência pessoal

    É DESNECESSÁRIO para quem JÁ TEM EXPERIÊNCIA PROFISSIONAL, mas se você está buscando seu primeiro emprego, coloque no máximo dois nomes. Lembre-se que as melhores REFERÊNCIAS são as escolas onde estudou e os locais onde trabalhou.


  10. Número de páginas

    Já participei de uma entrevista de emprego em que a psicóloga perguntou metade do que estava no currículo, ou melhor, tudo o que estava na segunda página do meu currículo. Se as informações da segunda página fossem as mais importantes eu nem teria sido chamada. Moral da história: seu currículo deve ter uma página ou então deixe “sobrar” para a segunda somente os cursos extra-curriculares ou o que for menos relevante.

    ATENÇÃO: As regras servem para promovê-lo e não para prejudicá-lo! Se você está concorrendo há um cargo que não exige experiência, mas exige cursos de informática e noção de inglês, coloque sua experiência profissional depois dos cursos extra-curriculares para que O MAIS IMPORTANTE FIQUE NA PRIMEIRA PÁGINA.


  11. Formatação

    Na dúvida use o padrão:

    1. TUDO alinhado à esquerda (evite centralizar o título e os subtítulos)
    2. Fontes mais usadas: Verdana 9, Arial 10, Courier New 10 ou Times New Roman 11
    3. A menor fonte legível impressa é Verdana 8, use-a se realmente precisar de espaço
    4. Fontes monoespaçadas (Courier New, Lucida Console, Andale Mono…) são as mais legíveis, em compensação ocupam muito espaço e muitos as acham horrorosas
    5. Fontes com serifa (Times New Roman, Book Antiqua, Calisto MT…) deixam o currículo elegante, mas ocupam mais espaço que as fontes sem serifa
    6. As fontes sem serifa (Verdana, Arial, Tahoma, Lucida Sans Unicode…) são legíveis e econômicas, por isso são as mais recomendadas para currículos
    7. O negrito pode ser usado em títulos e subtítulos
    8. Sublinhe e-mails e sites e só sublinhe e-mails e sites
    9. Se seu currículo está ocupando menos de uma página, aumente o tamanho da fonte e/ou coloque uma fonte com serifa
    10. Um erro de digitação ou de português e seu currículo vai pro lixo. Se realmente tiver que escrever qualquer palavra em outro idioma, escreva corretamente. Estrangeirismo não é desculpa para desleixo.

  12. Informações a mão

    Às vezes acontece de termos que adicionar ou corrigir alguma informação a mão em nosso próprio currículo. Só faça isso se você realmente não tiver condições (tempo, dinheiro, distância…) de imprimir outro currículo e se tiver uma letra organizada e legível. Nossa caligrafia nos condena!

    CURIOSIDADE: Em uma empresa de telemensagens eu tive que deixar meu currículo feito a mão! Minha letra é legível e organizada, eles não me chamaram pra entrevista porque queriam pessoas que morassem no próprio bairro para não terem que pagar o transporte.


  13. Data, assinatura e foto

    Em algumas empresas de recursos humanos a recepcionista pede para você colocar data e/ou assinar o currículo antes de entregar. Só faça isso se pedirem.

    Só coloque foto quando eles deixarem bem claro no anúncio currículo com foto, caso contrário economize sua imagem. Todo mundo fica feio em foto 3×4, não vale a pena ficar desperdiçando com isso.


  14. NUNCA entregue o currículo dentro do envelope

    O envelope pode ser muito útil para você transportar o currículo sem sujá-lo, molhá-lo, dobrá-lo, amassá-lo… Mas na hora de entregar, tire o currículo de dentro do envelope e ENTREGUE SOMENTE O CURRÍCULO. Lembre-se mais uma vez da pilha de currículos! O selecionador não quer e não vai perder tempo tirando currículos de envelopes.

Modelo de currículo no Google Docs.

Posts relacionados