Busca

Carregando...

terça-feira, 17 de julho de 2012

Blog temático ou de variedades?

Blog

Temático, caso queira resposta com apenas uma palavra. Principais motivos:

► Público fidelizado - Isso significa mais assinantes de feed, mais pessoas curtindo sua página no Facebook, mais pessoas seguindo o perfil do seu blog no Twitter. Sabendo qual é o seu nicho, também fica mais fácil decidir se vale a pena criar perfis do blog para divulgar em outros sites, como Pinterest e Google Plus, só para citar dois exemplos.

► Anunciantes selecionados e interessados – Já que você tem leitores com muitas características em comum, o perfil de consumo também é parecido em alguns aspectos; por isso anunciantes que buscam um público parecido com o seu vão querer sempre fazer propaganda no blog.

Também fica mais fácil para você escolher quais anunciantes aprovar, já que conhece bem o perfil do seu próprio site. Uma vez ofereceram anúncio de supermercado para o Beleza Tem Cheiro e eu neguei na hora. Já pensou ver um anúncio de peixe in natura enquanto lê uma resenha de perfume francês? :D

► Você se torna um especialista - Quando você tem paixão pelo assunto (não faz o menor sentido criar um blog temático sem paixão pelo assunto, mas não custa reforçar), você lê e escreve todo dia sobre aquilo, de forma que, com o tempo, será considerado um especialista porque se aprofundou.

► O blog se torna referência no assunto – Mesmo quem não faz parte de seu público-alvo fidelizado vai se lembrar do seu blog quando precisar de alguma informação sobre aquele assunto. Por exemplo, quando alguém tem alguma dúvida sobre celular Nokia eu sugiro buscar no Nokiatividade, não sou leitora fiel do blog nem faço parte do público-alvo, mesmo assim me lembro dele porque é especializado.


Mas se você clicou para ler o post inteiro sabe que não é tão simples assim, existem exceções à regra. No mês passado eu optei por ter novamente um único blog de variedades, assim como eu tinha há dez anos atrás, quando comecei a blogar. Os principais motivos para eu ter tomado essa decisão são extremamente subjetivos, mas vou compartilhar mesmo assim:

► Blog mais atualizado

Eu jamais conseguiria ter um único blog temático. Então eu tinha vários blogs com nichos EXTREMAMENTE diferentes. Como não poderia deixar de ser, para cada um deles eu tinha uma página no Facebook, um perfil no Twitter, uma página no Google Plus (que nunca me lembro de atualizar, mas está lá), um álbum no Pinterest.

Como toda adulta normal, eu trabalho, estudo, cuido da casa, faço compras, organizo as contas do mês, planejo férias, visito minha mãe, vou ao teatro, saio para ouvir música ao vivo (menos do que gostaria, mas saio), vou às perfumarias experimentar as novidades… Então, mesmo dedicando algumas horas da manhã todos os dias aos meus blogs, eu ainda não dava conta de manter tudo atualizado do jeito que eu queria.

Com o tempo isso foi ficando cansativo e, por incrível que pareça, monótono, porque muitas vezes eu me via na obrigação de postar algo só porque já estava há muito tempo sem update. Mas atualizar só por atualizar não me dava prazer, então eu não atualizava porque não me alegrava e ao mesmo tempo me sentia culpada por não ter atualizado. Chato.

► O prazer de variar os assunto

Sempre fui muito curiosa e jamais fui bitolada em um assunto. Justamente por causa dos blogs temáticos, algumas predileções minhas se destacaram mais na web, como HTML/CSS e perfumaria, mas me interesso muito por muitos outros temas.

Muitas vezes aconteceu de eu ter algo superbacana para compartilhar e deixar passar porque nada tinha a ver com algum dos meus blogs ou porque tinha a ver com todos os meus blogs e eu não decidi em qual colocar. Agora me sinto à vontade para postar qualquer coisa que me interesse no HTMHelen, já que ele não tem mais limitação de assuntos.

► Menos é mais

Como você já deve saber, minha vibe este ano é “querer menos, quase nada”, “sentir prazer em ter um de cada”, “usar as coisas até o fim”, etc. Com o blog não é diferente. Estou me sentindo ótima por me dedicar exclusivamente a ele.

Sei que ele não agrada todo mundo (nunca foi essa a minha intenção mesmo), mas garanto que do jeito que ele está hoje agrada 100% a mim. Como meu próprio prazer sempre foi minha prioridade na atividade de blogueira, significa que está tudo certo.

► Continuar sozinha

No post Alternativas ao fim de um blog eu citei a formação de equipe como uma das opções para quem está com certa dificuldade para manter um blog temático sozinho. Serve para muita gente, mas com certeza não é pra mim.

Não sei se é exatamente esse o motivo, mas na minha profissão eu já tenho que trabalhar em equipe e dividir autoria sempre, então manter o meu blog sozinha-inha-inha é essencial para eu sentir a mesma motivação e o mesmo prazer (sem dúvida esta é a palavra-chave deste post).

► Personalismo

Ao longo desses dez anos construí um público que simplesmente gosta do que eu escrevo, independente do assunto. Não vou me alongar neste parágrafo para ele não ficar autoelogioso, mas o fato é que, nas últimas semanas, perdi alguns leitores que realmente preferiam os blogs temáticos e ganhei muitos outros que acham mais fácil acompanhar o que escrevo agora que está tudo em um feed só.


Eu já estava rascunhando este post há algumas semanas, mas hoje o Blogando com Facilidade tocou nesse assunto, o que me motivou a terminar de vez.

Temático ou ilimitado, que o seu blog te dê muito prazer!

Posts relacionados