Busca

Carregando...

sexta-feira, 7 de dezembro de 2012

Eu, 2013 e os perfumes

frascos coloridos

Como vocês já sabem, desde o início de 2012 estou me educando financeiramente e como consumidora. Já consegui parar de comprar relógios, calçados e agora chegou a vez de atacar meu vício em perfumes.

Vou compartilhar aqui algumas decisões que tomei porque elas vão alterar a frequência de resenhas e de sorteios de perfumes no blog.

► Chega de compras no exterior pelos Correios

Carro dos Correios

Como a Receita Federal está trabalhando direitinho, não tem compensando financeiramente, sem falar no estresse.

A última compra que fiz no eBay voltou porque não fui avisada a tempo, de forma que quando fui buscar a encomenda na agência, o pacote já tinha voltado para o exterior. O vendedor diz que até hoje não recebeu a encomenda de volta, por isso não fui ressarcida. A compra já faz um ano.

Minha última encomenda no FragranceX voltou para a empresa. Eles me ressarciram uma porcentagem do valor da compra. Até hoje não faço a mínima ideia de qual foi o motivo da devolução, já que a outra compra que fiz no site na mesma semana chegou.

► Chega de experimentar só por experimentar

Experimentando perfume

Hoje fui a um shopping que frequento raramente e aproveitei que as vendedoras não me conheciam para experimentar tudo e mais um pouco. Gostei de algumas fragrâncias, como DKNY Delicious Night, Hugo Boss XX e Givenchy Le Bouquet, mas nada digno de entrar para minha lista de desejos. E como ela já está bem grandinha, não brinco disso mais. Vou experimentar só quando estiver afim mesmo de comprar.

► Conhecer mais marcas baratas

Amo as fragrâncias Jennifer Lopez e estou namorando algumas Antonio Banderas. Tenho muita vontade de conhecer também Escada, Café Café e Banana Republic. Ainda não sei como vou fazer isso, já que as perfumarias de Goiânia não têm essas marcas.

► Mais perfumes nacionais

pitanga

Não vou ser hipócrita dizendo que conseguirei viver usando só perfumes nacionais, nem me torturar usando perfumes nacionais que não me agradam. Vou apenas dar mais valor àqueles dos quais eu realmente gosto. Atualmente, por exemplo, sou apaixonadinha por Amó Xodó - Natura, Myriad - O Boticário e Black Orchid - Ana Hickmann.

Já tenho perfumes importados o suficiente para passar o próximo ano e o próximo e o próximo, então quando me bater aquele desespero do tipo “já enjoei de tudo que tenho aqui”, vou investir em algum nacional. Há vários da Natura e da Água de Cheiro que eu cobiço.

► Fim do Bazar

Bazar

O bazar acaba sendo um pretexto para eu comprar mais do que dou conta de usar nele. Assim que acabar o atual estoque, guilhotina nele.

► Conclusão

Não tenho a mínima pretensão de abandonar minha paixão por perfumes, mas preciso adequar o hobby à minha realidade financeira. Sinto que vai funcionar. E nem vou esperar virar o ano. Já começo as mudanças a partir de agora. ;)

Bom cheiro!

Imagens: Thinkstock/GettyImages

Posts relacionados