Busca

Carregando...

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

6 dicas para se despedir dos leitores do blog

Good bye

Você analisou todas as alternativas e mesmo assim chegou à conclusão de que é hora de interromper o blog. E agora? Como faz?

1. Não abandone

Largar o blog sem contar que não vai mais atualizar é uma forma de evitar a despedida formal, mas também pode gerar angústia em seus leitores, que não sabem nem se você está vivo.

2. Não se desculpe várias vezes

Caso você fique sem postar apenas algumas semanas (até dois meses), não é necessário nem fazer post justificando. Acho melhor colocar um texto em um widget, no topo da coluna direita ou no topo dos posts com uma cor viva. Diga que você está fora por motivo “esse” e volta “dia tal”.

Rezando de joelhos

E se realmente for interromper as postagens (dois meses ou mais), faça um ÚNICO post contando os motivos e dizendo a previsão de retorno. Fica muito estranho se você posta de três em três dias para avisar que vai voltar daqui há três meses. Já vi acontecer várias vezes e é inevitável a gente não se perguntar:

Se tem tempo para ficar se desculpando, por que não posta logo uma dica decente?

3. Mantenha as portas abertas

Bem, escrever você já sabe, não vou te ensinar isso. Mas, depois do texto explicando os motivos, é preciso manter as “portas abertas”. Alguns blogueiros terminam o último post como se nunca mais fossem acessar a internet. Mas sabemos que não é bem assim.

Quando a gente mantém um blog está correndo o delicioso risco de passar a fazer parte da vida de pessoas que não conhecemos. Nossos leitores criam vínculo conosco. Tem gente que me acompanha há 10 anos e sabe de fatos da minha vida dos quais eu nem me recordo mais. Acredito que é preciso ter carinho com essas pessoas desde o começo, mas também na hora da despedida.

Não faz diferença se seu blog é sobre maquiagem, concursos públicos ou programação Java. Não importa qual é sua relevância na blogosfera, qual é seu page rank, seu Alexa, sua posição na página de busca… É preciso lembrar que do outro lado existem pessoas que você influenciou.

4. Não coloque a culpa nos próprios leitores

Homem apontando

Além de não ser honesto nem gentil, colocar a culpa nos próprios leitores pelo fim do seu blog é uma forma de “fechar as portas” para oportunidades e projetos futuros.

Se a blogosfera mudou e você não se adaptou, a culpa é sua, não dos leitores. As mudanças nunca pararam de acontecer, desde que o mundo é mundo. E o ser humano só chegou até aqui porque tem uma grande facilidade para se adaptar a novas situações. Portanto, quando o contexto muda e você não se adapta, deve assumir que isso é uma escolha.

Vamos supor que agora você vá ficar um bom tempo off-line para estudar para um concurso público do judiciário. Ótimo, estude mesmo. Você passa, toma posse, trabalha só de 2ª a 6ª feira, 6 horas por dia, tem muito tempo livre, novas ideias e sente vontade de abrir uma loja virtual. Para quem você vai oferecer seus produtos primeiro? É melhor estar “de bem” com seus antigos leitores para não ter que começar a prospectar clientes do zero.

Vai continuar blogando em outro lugar? Tem Twitter, Google Plus, Facebook, Pinterest, Linkedin, Skoob, Livemocha? Tem portfólio on-line? Tem site pessoal? Não se esqueça de deixar seus links. Quem te admira vai querer te acompanhar de outras formas.

Tenha o cuidado de não publicar perfis muito pessoais para não decepcionar os leitores, já que provavelmente você não vai aceitar estranhos.

6. Combine um ponto de encontro

No caso de você realmente precisar ficar off-line um tempo, combine com seus leitores um ponto de encontro: um site que você vai voltar a atualizar primeiro quando tiver resolvido suas coisas. Pode ser um blog ou um perfil.

Se o seu blog for apenas pausado, sem dúvida é o melhor local. Peça para o leitor não removê-lo da assinatura de feed. E não se esqueça de cumprir a promessa quando voltar. Já vi vários blogueiros darem um tempo e voltarem depois, geralmente ainda melhores. Por sorte não removi nenhum deles do meu Google Reader.

Caso você realmente tenha se cansado do blog, mas vai deixá-lo on-line para consulta de posts antigos, deixe os links das redes sociais e dos outros blogs que você vai voltar a atualizar depois de “tirar um tempo”.

E não se esqueça de aproveitar bem seu tempo longe do blog, se for esse mesmo o preço que você precisa pagar pelos seus sonhos.

Até mais!

Imagens: I Love Shopping, Wallpaper4God,
Forbes e Condicional

Posts relacionados