Busca

Carregando...

sábado, 2 de fevereiro de 2013

Feeds separados por assunto usando Pipes

Atualizado às 18h48.
Menino e Menina com feed na mão

O Blogger ainda não tem esse recurso nativo, mas podemos criar novos feeds filtrando marcadores específicos. Para isso vamos usar o Pipes, excelente recurso do Yahoo!

02/02/2013 às 18h48 - Para ter o feed de um único marcador, confira o post Blogger: feeds dos marcadores. Use este tutorial quando quiser mesclar mais de um marcador em um feed só.

Não testei em outros tipos de blogs, mas as dicas abaixo também podem funcionar neles, com pequenas modificações. Se você conhece bem sua plataforma conseguirá adaptar.

Confesso que há alguns meses eu já tinha começado este tutorial usando o dlvr.it, mas quando fui fazer os prints descobri que ele passou a ter um limite de cinco feeds para contas gratuitas. Isso é muito pouco, principalmente para blogueiros que administram vários sites.

Para fins didáticos, neste tutorial são sinônimos: categoria(s), tema(s) e assunto(s). Os termos feed e rss também serão utilizados com o mesmo sentido.

1. Pré-requisitos

Todos gratuitos:

  • Ter um blog no Blogger.
  • Ter uma conta no Yahoo!
  • Saber o que é feed e para que serve.
  • É desejável, mas não obrigatório, ter uma conta no FeedBurner.

2. Escolha um marcador

Sugiro que, pelo menos para começar, você escolha um marcador que não tenha espaço nem acento. Caso contrário, pode ocorrer algum erro de leitura. Não que seja impossível resolver isso, mas é bem mais fácil corrigir bugs depois que a gente conhece o funcionamento normal da ferramenta.

Neste tutorial vou criar um feed para a categoria Music deste blog.

3. Crie um pipe

Abra o site pipes.yahoo.com, faça login com sua conta do Yahoo!, em seguida clique no botão Create a Pipe, que aparece duas vezes na página: na coluna da esquerda com fundo branco e no menu superior com fundo azul.

Criar pipe

Na página que vai abrir, do lado esquerdo estão os módulos, divididos em categorias. Do lado direito está sua tela de trabalho. Arraste para sua tela os seguintes módulos:

  • Sources » Fetch Feed
  • Operators » Filter
  • Operators » Sort

Vai ficar assim:

Tela com operadores

Dê um nome para seu pipe. Clique uma vez em untitled, no canto superior esquerdo, e digite:

Nome do pipe

Esse asterisco (*) no título, significa que você fez alguma alteração que ainda não foi salva. Aproveite para salvar agora e sempre que fizer alguma alteração. O botão fica do lado superior direito:

Botão de salvar

4. Coloque o feed original

No módulo Fetch Feed, adicione a URL do feed geral do seu blog:

Fetch Feed

Para quem está trabalhando pela primeira vez com o feed do Blogger, a URL original tem o seguinte formato

http://seublog.blogspot.com/feeds/posts/default

Onde está escrito seublog.blogspot.com você coloca o endereço da home de seu site. Tanto faz se você usa domínio próprio ou não.

5. Filtre o feed

Clique na bolinha inferior de Fetch Feed e arraste até a bolinha superior do módulo Filter. Isso vai ligá-los. Na primeira caixa de seleção, escolha a opção Permit. Na segunda, mantenha a opção all:

Opções de filtro

Agora crie uma regra (Rules) chamada item.category.term. No campo do meio escolha Matches regex (exatamente). No último campo de texto escreva o nome do marcador, que neste exemplo é Music:

Regra de filtro

Assim que você criar a regra, no rodapé da tela de trabalho já vão aparecer os posts com o tema escolhido:

Posts filtrados

6. Garanta a ordem descendente

De vez em quando o Pipes inverte a ordem dos posts, principalmente quando você faz pequenas alterações em posts antigos. Para manter os posts mais recentes no topo, organize-os por item.pubDate na ordem descending:

Ordene pela data

Não se esqueça de ligar o módulo Filter ao módulo Sort.

7. Ligue ao módulo de saída

O módulo Pipe Output, que aparece automaticamente quando você cria um pipe, é o resultado final do novo feed que você criou. Ligue o módulo Sort a ele para o recurso funcionar:

Saída do pipe

Para organizar seus módulos, clique em Layout, que fica no canto superior esquerdo. A estrutura do seu pipe vai ficar assim:

Layout do pipe

8. Publique seu pipe

Depois que você organizar o layout e clicar no botão Save, vai aparecer (no topo da tela e com fundo azul): Pipe Saved   Run Pipe. Clique em Run Pipe.

Isso abrirá a página do seu pipe com miniaturas (thumbnails) e trechos (snippets) dos últimos posts:

Página do pipe

Clique no link Publish para publicar seu pipe e torná-lo disponível a todos, inclusive outros usuários do Pipes que poderão encontrá-lo por meio da busca do site.

Nessa mesma página você pode mudar a descrição e o endereço web do pipe.

Outra opção é o link Clone. Ele gera uma cópia do pipe atual, assim você não precisará repetir todas as etapas para os feeds dos outros assuntos do blog.

9. Queime seu feed

Ainda na página do seu pipe, clique com o botão direito em Get as RSS e selecione Copiar endereço do link (ou a opção similar do seu navegador). O feed que criei neste post tem a seguinte URL:

http://pipes.yahoo.com/pipes/pipe.run?_id=de38daff8d740b905590ca77dce182e6&_render=rss

Como ela é longa, feia e “indecorável”, você pode otimizá-la no FeedBurner. Além da URL curta, você vai ter diversos recursos como estatísticas e outras configurações.

Entre no site feedburner.google.com e cole a URL longa do feed:

Queimando o feed

Clique no botão Next. Agora escolha o nome e o endereço:

Escolha o endereço

Observe que o FeedBurner permite barras, deixando seus feeds ainda mais organizados.

Novamente clique em Next. Agora você já tem o feed da sua categoria com URL fácil de memorizar:

Feed queimado

10. Teste seu feed

Abra o Google Reader, ou seu leitor de feeds favorito, clique no botão Inscreva-se e adicione a URL curta recém-criada:

Adicionando ao Google Reader
Feed adicionado

11. Adicione o feed ao blog

Este passo é opcional. Cada feed de categoria que você cria pode ser adicionado ao código do blog. Assim os visitantes descobrem os feeds adicionais pelo próprio ícone de rss. Siga as instruções do post Como mostrar ícone de feed na barra de endereço.

Outra forma de divulgar é criar uma página com todos os feeds.

Até mais!

Primeira imagem: Matt Forsythe

Posts relacionados