Busca

Carregando...

quinta-feira, 27 de março de 2014

Perfume Aurien, Eudora

Esse floral frutal oriental que a Eudora chama de chypre frutal exuberante foi lançado em 2011, mas já é um clássico. É uma daquelas fragrâncias que a gente tem que experimentar se quiser ter uma noção panorâmica da atual perfumaria brasileira.

Pirâmide olfativa
  • Notas de topo: mandarina, folha verde, morango selvagem.
  • Notas do meio: jasmim, ylang-ylang, lírio-do-vale, gardênia, framboesa.
  • Notas de base: baunilha, caramelo, patchuli, cumaru, tabaco, âmbar.

A abertura de Aurien é cítrica, verde, frutal e tem uma brasilidade inédita para o meu olfato. Eu poderia tentar explicar de muitas formas em que consiste essa tal de "brasilidade", mas acho que consigo resumir com uma frase: tem cheiro de cachaça. Mas não é qualquer cachaça barata ou fabricada em larga escala. É uma daquelas pingas de engenho pequeno em que só o patriarca da família sabe a fórmula para deixar a bebida com aquele gosto e aquele cheiro específico.

Sinto a mandarina se espalhando loucamente e folhas verdes bem amassadinhas. Na verdade sinto como se estivessem cortando grama naquele exato momento, exalando o característico cheiro de clorofila. O morango silvestre é saltitante: não sinto o tempo todo, mas em nuances e às vezes só noto o "vulto".

Acho esse topo lindo, original e totalmente andrógino. Se um dia a Eudora criar um Aurien masculino, a abertura pode ser 100% aproveitada.

Depois dessa fase tão alcoólica e quase proibida para menores de 18 anos, o perfume ganha uma tonalidade floral, feminina e confortável. Não é sexy, não é infantil e também não é demodê. É cheiro de mulher, mas sem sensualizar.

A base é a camada doce do perfume, mais uma característica que torna essa fragrância bem diferente de tudo que já senti antes. Uma base abaunilhada, caramelizada e ambarada, mas sem exalar, afinal de contas é só a base.

Apesar da fragrância evoluir bem e mudar bastante ao longo do tempo, sinto grama e cachaça do começo ao fim. Para o meu olfato, essa é a medula do perfume.

  • Fixação: 4 horas na minha pele.
  • Projeção: a abertura projeta muito, como cachaça.
  • Rastro: o cheiro fica durante muito tempo, como cachaça.

No fim das contas, e ao contrário da ideia que alguns podem ter da cachaça, Aurien é uma fragrância sofisticada e ótima para ser usada no ambiente de trabalho, desde que seja aplicada em casa porque as primeiras notas podem causar alergia em algumas pessoas. É o tipo de perfume para a mulher que separa bem a vida íntima da vida profissional e quer deixar isso bem claro.

Pode agradar quem gosta do estilo de Lacoste Pour Femme e das fragrâncias femininas da Diesel.

Já compararam esse perfume da Eudora com Lady Million, da Paco Rabanne, mas quem disse isso deve ter bebido o perfume ao invés de inalar.

Há muitas impressões diferentes sobre essa fragrância, inclusive há quem a ache extremamente sensual. Mas uma coisa eu garanto: alguma opinião você vai ter sobre esse perfume quando senti-lo. Não é do tipo que passa batido.

Infelizmente Aurien me dá dor de cabeça. Uma pena porque realmente essa fragrância ótima. Acredito que seja uma sensibilidade minha e não um problema com a qualidade do perfume.

Além da colônia, a linha Aurien tem loção iluminadora, óleo iluminador, desodorante e perfume para cabelo.

Bom cheiro!

Posts relacionados