Busca

Carregando...

quinta-feira, 18 de setembro de 2014

Perfume Moment de Bonheur EDP, Yves Rocher

Teremos agora um Momento de Felicidade, delicioso floral verde luminoso assinado pela Annick Menardo.

Essa fragrância é considerada por muita gente uma versão linear de Chloé EDP, mas já aviso que só senti Chloé uma vez na loja e há muitos meses, então não tenho a menor condição de comparar as duas. Esta resenha é só sobre Moment de Bonheur mesmo.

Esta é descrição do site brasileiro da marca:

Momento de Felicidade Eau de Parfum é uma fragrância floral com notas verdes refrescantes que desperta e exalta a feminilidade. O aroma único da Rose Centifolia, a flor de cem pétalas, traduz a essência feminina. Com a promessa de felicidade para a mulher se sentir radiante, segura de si e disposta para aproveitar os melhores momentos do dia. Deixe a leveza das flores impressionar você.

Fazia tempo que eu não lia uma resenha oficial tão sincera. As equipes de marketing dos perfumes Lady Gaga e Playboy poderiam pegar umas aulas com a Yves Rocher.

Na própria caixa do perfume são citados alguns de seus ingredientes botânicos: absoluto e infusão de rosa de cem folhas, óleos essenciais de gerânio, cedro e patchuli.

Com base nas poucas notas divulgadas pela empresa, a pirâmide olfativa é bem simples:

  • Notas de topo: notas verdes, óleo de gerânio, especiarias.
  • Notas do meio: rosa de cem folhas.
  • Notas de base: cedro e patchuli.

Mas quando a gente sente o perfume nota que há muito mais do que isso.

Gosto muito da exótica abertura. Sinto um cheiro misturado de grama cortada, plástico, menta e manjericão seco. Logo percebo uma nuance mais amarga que imagino ser o óleo de gerânio.

Algum tempo depois o aspecto rosáceo se revela e a fragrância começa a transbordar feminilidade, mas de forma delicada e encantadora, sem apelar para a sedução. Entre o coração e a base esse perfume não muda muito. Só vai ficando mais discreto, mais amadeirado, uma transição muito sutil.

Adoro Moment de Bonheur e todas as sensações boas que ele evoca: autoconfiança, autoestima, bucolismo, leveza, romantismo, simplicidade, tranquilidade. É um perfume para quem quer exalar feminilidade e elegância, mas de forma despretensiosa, sem sensualidade nem ostentação.

Esta fragrância é muito diferente de todos os florais de rosas que já citei aqui no blog e, para o meu olfato, sem dúvida é a melhor de todas e a única que ganhou meu love no Fragrantica.

A fixação na minha pele é de 7 horas. É um floral com projeção curta e rastro médio. Sou suspeita porque adoro o perfume, mas acredito ser uma fragrância adequada para uso em escritório e sala de aula.

Essa eau de parfum é vendida em frascos de 30 mL e 50 mL que no Brasil custam R$ 119 e R$ 165.

Tenho uma dica importante se você está disposto a ir uma loja Yves Rocher - atualmente só tem em São Paulo e no Rio de Janeiro: não confie no cheiro que você sente quando aproxima o spray do nariz porque ele não te dá uma boa ideia de como é Moment de Bonheur. Só acredite no que você vai sentir na pele, depois de borrifar.

Os produtos da marca são vendidos também pela internet no site www.yvesrocherbrasil.com.br.

Se você está pesquisando fragrâncias parecidas com Chloé EDP, não deixe de ler sobre Make me Fever Gold da Mahogany.

Bom cheiro!

Posts relacionados