Busca

Carregando...

quarta-feira, 8 de abril de 2015

▶ Perfume Killer Queen, Katy Perry

Esse é o primeiro perfume da Katy Perry que conheço. Um floral frutal gourmand que despertou ainda mais minha curiosidade de sentir os outros.

E como o público do blog é muito eclético, não custa nada mostrar quem é a Katy Perry:

E se pra você esse rosto não significa nada (nessa foto tá um pouco deformado mesmo), talvez a voz ajude. Segue o clipe de Fireworks:

Também é possível que você já tenha visto esse clipe lindamente colorido de Dark Horse:

Agora que a artista já foi apresentada, vamos ao nome do perfume. Segundo a própria Katy Perry, veio de uma de suas músicas favoritas, interpretada pela banda Queen:

Adorei tudo até aqui, mas este não é um post sobre música. Não apenas sobre música. Vamos à pirâmide olfativa da fragrância, conforme o site oficial:

  • Notas de topo: ameixa preta, frutas silvestres e bergamota.
  • Notas do meio: flor veludo vermelho (celosia vermelha), pluméria arco-íris (frangipani) e jasmim árabe.
  • Notas de base: cashmere (casimira), patchuli e praliné líquido.

Tem ameixa? Já gostei. Quando o perfume abre com essa fruta - de cheiro suculento, quente e cremoso - confesso que é muito difícil eu não gostar do que vem depois. Foi assim que me apaixonei por Capricho Glam, Ameixa Senses e Midnight Fantasy. Além de ameixa preta, sinto também patchuli (assanhado, sempre aparece antes da hora) e uma salada de outras frutas figurantes.

No corpo se destacam as flores. Jasmim e frangipani formam uma bela dupla cheia de feminilidade e aconchego, no sentido mais sensual do termo. É uma das combinações florais que mais aprecio na perfumaria.

A base é muito amor! O praliné dessa fragrância é bem gostoso (bem diferente do praliné da Natura, eu quis dizer) e ficou harmônico no perfume (bem diferente do praliné "desencaixado" em alguns perfumes da Natura, eu quis dizer). É um fundo gourmand e aveludado, saboroso e macio.

Do início ao fim, Killer Queen é um perfume quente, cremoso e sensual, como o cheiro da ameixa que citei lá em cima. Não é inédito nem surpreendente, mas é bem feito, cumpre o que promete, evolue bem, as notas conversam. Uma das melhores fragrâncias de ameixa que já senti.

Na minha pele a fixação é entre 3 horas e 4 horas, de acordo com a temperatura, o que considero pouco para uma eau de parfum. É uma fragrância que projeta muito na abertura frutal, depois exala moderadamente. O rastro vai de longo a médio durante a evolução.

No Brasil, a EDP Killer Queen é vendida pela Jequiti em frasco de 100 mL por R$ 149. A Jequiti usa a nomenclatura colônia desodorante para todos os importados envasados no Brasil e vendidos por ela, independente da concentração.

Bom cheiro!

Posts relacionados