Busca

Carregando...

terça-feira, 23 de junho de 2015

Perfume Paris 1, Jequiti

Agora é a vez de falar da fragrância mais cítrica da Coleção Paris e uma das mais cítricas da marca.

Esta é a pirâmide olfativa oficial de Paris 1:

  • Notas de topo: bergamota, lichia e pimenta rosa.
  • Notas do meio: magnólia, frésia, jasmim e camélia.
  • Notas de base: cedro, cashmere, âmbar e almíscar cativo.

Lendo isso, pode ser que você se lembre de Lichia e Pimenta, da Phebo, já que as duas fragrâncias têm muitas notas em comum nas três camadas. Mas garanto que a coincidência para por aí. São fragrâncias diferentes em todos os demais aspectos.

Desde o início, Paris 1 é muito cítrico e refrescante. Não bastassem bergamota e lichia, a pimenta rosa também está em uma versão que parece muito uma fruta azeda e picante.

Alguns minutos após a abertura, passei a sentir cheiro de limão, apesar de não constar oficialmente na pirâmide. Lambi os lábios e senti gosto de limão com sal, de tão forte que é a presença desse ingrediente na fragrância.

É muito difícil perceber o início do coração porque esse perfume evolui à francesa: você demora a notar quando uma nota já foi embora. Em algum momento eu percebi ou aceitei, não sei ainda, que no background do limão tem um campo floral delicado e chique que lembra um pouco o estilo princesa de Jardin des Roses.

Da mesma forma como acontece no corpo, é difícil ter certeza de quando começa a base, mas acho que é quando as flores dão lugar ao cedro e o limão fica domado na presença de almíscar e cashmere. É um delicioso fundo almiscarado, amadeirado, aveludado e com uma linda tonalidade cítrica.

Enquanto Paris 3 é um perfume sobre o patchuli, Paris 1 é um perfume sobre o limão. Se a Jequiti fosse coerente, o líquido seria verde ou amarelo. A classificação olfativa da marca, floral romântica, também não é das mais precisas.

E a onipresença de limão faz a gente pensar em Dolce & Gabbana Light Blue, mas Paris 1 não é parecido com ele. O limão do Light Blue é siciliano e Paris 1 está mais para um tahiti, lima ácida que a gente aprende a chamar de limão logo após nascer, então para fins didáticos fica sendo limão mesmo. E vai ver não é limão nem lima ácida, só uma feliz combinação de bergamota, lichia e pimenta rosa que, nas doses certas, ficou parecendo limão.

Paris 1 fixa na minha pele por no mínimo 5 horas. É um perfume com projeção média. O rastro é curto, mas é intenso e duradouro.

Esse é o tipo de fragrância que pode agradar quem aprecia outros perfumes cítricos que citei aqui no blog, mas não me lembro de nenhum outro tão harmonioso, sutil e com evolução tão elegante. Paris 1 também guarda semelhanças com Chance Eau Fraiche da Chanel.

Essa deo parfum é vendida em frasco de 60 mL e custa R$ 62,90.

Falei sobre o frasco e a numeração na resenha sobre o Perfume Paris 3.

Bom cheiro!

Posts relacionados