Busca

Carregando...

segunda-feira, 15 de fevereiro de 2016

▶ Perfume Jolie Femme, Jequiti

Jolie é um perfume bonitinho, gostosinho, mas ordinário. Cheiro bastante comum, com acordes que já fizeram sucesso em outras fragrâncias.

Em compensação, tem nome bonito, frasco bonito e uma fragrância floral frutal OK (não me lembro quando foi que OK virou adjetivo, mas virou), podendo ser uma opção para uma adolescente ou até mesmo para uma adulta pouco exigente.

Confesso que estou escrevendo sobre Jolie para registro e referência, não é uma colônia que me inspire a gastar adjetivos.

  • Notas de topo: bergamota, maçã verde, pêra.
  • Notas do meio: rosa, baunilha, pêssego.
  • Notas de base: caramelo, cumarina e âmbar.

A abertura é frutal cintilante, muito suculenta e alegre. É a minha fase favorita da fragrância.

Logo surge a baunilha, em uma versão picante que lembra a baunilha de Patricia Salvador. Mas vale lembrar que são fragrâncias muito diferentes, já que aqui temos a cremosidade frutal do pêssego, que faz toda a diferença.

Na base, a combinação de caramelo com cumarina (cumaru, fava tonka) dá um toque mais adulto e sério à colônia.

Jolie começa jovial, passa por uma fase mais sensual e nos últimos momentos é um perfume sisudo. É uma fragrância que muda muito em menos de 1 hora.

Ainda assim, a abertura e a base lembram muito o timbre da marca Natura. Segue o estilo das colônias da linha Faces e dos flankers de Kriska.

A duração na minha pele é de 2 horas. Se eu passar sob a roupa, fixa até 3 horas.

Jolie tem alta projeção apenas no primeiro minuto. Em menos de meia hora já é um perfume que só pode ser sentido aproximando o nariz da pele. Não deixa rastro. Se deixa, é um cheiro que se mistura rapidamente ao resto do ambiente.

Neste vídeo, a perfumista Eva Miralles fala sobre o perfume:

Vídeo do lançamento do Jolie Femme em São Paulo (eu não fui, moro em Goiânia):

Até mais!

Posts relacionados