Busca

Carregando...

domingo, 14 de junho de 2015

Leitura de domingo #12 Reading Sunday

Geralmente eu deixo os títulos dos artigos falarem por si, mas hoje senti necessidade de comentar um pouquinho sobre cada texto que estou indicando.

200 Things I Love About Writing
Steve Pavlina fez uma longa lista sobre as coisas que ele mais ama em escrever. Como isso é a coisa mais prazerosa que faço desde criança e hoje talvez seja uma das coisas que sei fazer melhor (em relação às outras coisas que faço e não em relação às outras pessoas, que fique bem claro), me identifiquei com todos os itens e até me emocionei com alguns deles: empowering people, changing lives of people I’ve never met, changing people for the better, changing the world… E me diverti com o item smelling vanilla, a minha cara!
5 situações que mostram o machismo no mundo da ciência
Artigo da Superinteressante que mostra alguns exemplos de cientistas mulheres que tiveram os nomes omitidos em suas próprias invenções.
WhatsApp no Linux via Pidgin, Edivaldo Brito
Testei e funcionou. Serve inclusive para quem nunca teve smartphone nem criou conta no WhatsApp. Já é óbvio para a maioria, mas não custa lembrar duas coisas: (1) o WhatsApp não permite login em dois dispositivos ao mesmo tempo, logo não dá para conectar-se no computador e continuar usando no celular/tablet; (2) os seus contatos estão salvos na conta do dispositivo, não na sua conta do WhatsApp. Para quem usa Android, por exemplo, os contatos estão salvos na conta do Google/Gmail.
WhatsApp no tablet Android, AndroidPit
Testei e funcionou. Vale citar novamente as dicas que escrevi acima: o WhatsApp não permite login em dois dispositivos ao mesmo tempo; os contatos estão salvos na conta do Google.
Namorada leva seu amor pela mão em série fotográfica inspiradora
Vale a pena dar uma linda no artigo do site Nômades Digitais, mas aviso que o título tem um erro porque se você entrar no Instagram (instagram.com/muradosmann) vai ver que as fotos foram feitas por todo o planeta, inclusive no Brasil. Outra informação relevante é que eles já se casaram.
Dá pra viver viajando e se vestir bem?
A Debbie Corrano conta qual foi o método dela para renovar o guarda-roupa a mala e manter apenas peças das quais ela realmente gostava. Mesmo que você não seja nômade como ela, as dicas são úteis e têm muito a ver com o que buscamos tanto no minimalismo quanto no consumo consciente: ter menos coisas e ter coisas melhores.

Boa leitura!

Posts relacionados