Busca

Carregando...

segunda-feira, 20 de junho de 2016

📺 10 séries de TV que amo e não estão no Netflix

Desde que assinei, é Netflix pra lá, Netflix pra cá: estou o tempo todo indicando séries, documentários e filmes disponíveis no catálogo on-line. Hoje decidi fazer o contrário: vou mostrar dez séries queridas que só posso assistir à moda antiga.

Em ordem alfabética:

1. Brothers and Sisters (2006 - 2011)

Esse é um dos dramas de família mais envolventes e comoventes que já assisti. Ri e chorei largado. Se você quiser ver ou rever a trajetória da família Walker, precisará comprar o DVD, aguardar reprise em algum canal pago (se você ainda tiver assinatura) ou dar seus pulos aí.

2. Everybody Hates Chris (2005 - 2009)

É uma das melhores comédias que trouxeram para a TV aberta brasileira. A pessoa que teve a ideia de comprar o direito de exibição dessa série deve rir de orelha a orelha até hoje. Fez tanto sucesso que passa em vários horários da Record, principalmente no fim de semana. Mas se esses horários não coincidem com os seus, é melhor comprar DVD ou dar seus pulos porque não tem no Netflix.

Apesar de já ter visto todos os episódios, eu ainda quero muito ver a série inteira na ordem correta.

3. Game of Thrones (2011…)

Eu já falei sobre essa fantástica saga no post 6 dicas para quem ainda vai começar Game of Thrones. A possibilidade da série ir para o streaming é tão remota que a própria Netflix fez piada com isso no dia 1º de abril:

A verdade é que isso não vai acontecer tão cedo. A série rende muito dinheiro para a emissora e para as empresas de TV por assinatura, que sempre colocam a HBO nos pacotes mais caros. E ainda existem pessoas que mantém a assinatura só para assistir Game of Thrones. Parece loucura, mas conheço muita gente rica nessa difícil situação.

4. Law & Order: SVU (1999…)

Sem dúvida é minha série policial favorita, ganha até de Criminal Minds. E pelo grande número de temporadas até aqui, eu não sou a única a gostar tanto de Olivia Benson e sua equipe. No Brasil, a série é exibida pelo Universal Channel.

5. Parks and Recreation (2009 - 2015)

Uma das melhores comédias que já assisti, a melhor sobre ambiente de trabalho. Como sou servidora pública, me identifiquei bastante com a Leslie Knope em alguns aspectos e tenho vários colegas que parecem ter inspirado outros personagens da série.

6. Pushing Daisies (2007 - 2009)

Essa linda série de fantasia foi encerrada cedo demais, antes mesmo de encontrar seu público. Tomara que um dia Pushing Daisies chegue ao Netflix para que seja apreciada pelas pessoas certas, que vão amá-la como eu amei.

7. Six Feet Under (2001 - 2005)

Esse sim foi o drama de família mais comovente que já assisti. Se a família Walker me fez rir e chorar, a família Fisher não me deu muitas oportunidades para o riso, mas chorei, gritei, dei murro no colchão, pausei e fiquei pulando em frente à TV, fui à cozinha beber um copo d'água para digerir melhor o que eu tinha visto… As reações foram intensas.

Six Feet Under me transformou profundamente. Assistindo essa série, morri e ressuscitei com outra alma. Ainda tenho esperança de que entre no Netflix para que mais pessoas sejam transformadas ou, no mínimo, tenham uma visão menos supersticiosa e infantil sobre a morte.

8. The Big Bang Theory (2007…)

Essa comédia já vai para a 10ª temporada e nada no Netflix por enquanto. Aqui no Brasil, a série é exibida pelo canal Warner.

9. The Middle (2009…)

Gosto muito de Modern Family, mas sem dúvida me identifico ainda mais com a pobre e disfuncional família Heck. The Middle é uma das minhas comédias favoritas e sempre que assisto me sinto como o 6º membro da família, às vezes quero ser irmã mais velha da Sue para dar conselhos à ela, às vezes quero ser uma irmã boazinha da Frankie para ajudar ela a cuidar da casa.

A série já vai para a oitava temporada, mas quem é dependente de Netflix não viu nenhuma ainda. No Brasil, também é transmitida pelo Warner Channel.

10. The Sopranos (1999 - 2007)

Esse drama é um clássico da TV estadunidense e provavelmente você já ouviu falar dele. A série conta a história das "duas famílias" de Tony Soprano: a máfia italiana em Nova Jérsei e sua literal família de sangue e laços afetivos. Em muitos aspectos, as duas se confundem.

Considerações finais

Várias séries da lista conquistaram público e alto faturamento antes mesmo do Netflix existir. Então, pensando como empresária, entendo a lógica. Pensando como telespectadora, torço para que mudem de ideia.

Achou a lista longa demais? Não se engane. A lista de séries que assisto e estão no Netflix é pelo menos cinco vezes maior.

Não coloquei Billions porque acredito que é só questão de tempo para ela entrar no streaming.

16/09/2016 | Conforme previ, Billions chegou ao Netflix.

E como a lista é das que amo, também não coloquei programas que nunca assisti como Castle, Doctor Who, Fringe e The Mentalist.

Até mais!

Posts relacionados