Busca

Carregando...

terça-feira, 19 de julho de 2016

💡 Dica de série: Stranger Things (2016)

O Netflix já tem dezenas de boas produções originais e para públicos muito variados, mas acabou de estrear uma que está dando o que falar entre pessoas de vários segmentos. Em quatro dias, já é um dos grandes sucessos do streaming.

Se você viu só as séries mais famosas do Netflix, como Breaking Bad, Orange is The New Black, House of Cards, Sense 8, Better Call Saul e Narcos, prepare-se para algo muito diferente agora.

Com censura de 16 anos, Stranger Things (coisas mais estranhas) é uma série de suspense, fatos sobrenaturais e ficção científica protagonizada por crianças e adolescentes, sendo as crianças muito inteligentes. Os adolescentes, nem tanto.

É claro que a história também tem adultos, alguns são vilões, outros tentam ajudar as crianças, como o policial Hopper (David Harbour) e a Joyce Byers (Winona Rider), mãe de dois garotos. Aliás, quando foi que a Winona virou mulher e aprendeu a fazer cara e voz de mãe solteira pobre e cansada? Ela está perfeita no papel.

A série se passa nos anos 80, então é muito gostoso pra mim lembrar como a gente vivia naquela época: sem celular, sem TV digital, sem internet, sem computador, sem impressora e fotocopiadora em casa, sem medo de deixar as crianças pedalando sozinhas à noite… Tudo muito diferente do que vivemos hoje.

A primeira temporada tem 8 episódios e está inteira no Netflix. Cada capítulo tem entre 40 e 55 minutos.

A segunda temporada ainda não foi confirmada, mas todo mundo torce para que seja renovada sim. Enquanto ela não vem, ficou ouvindo a trilha sonora no Spotify:

Eu sei que o Netflix já fez várias séries de suspense, mas eu só assisto Stranger Things e Scream. Comparando as duas, Stranger Things é muito melhor.

Se você assiste American Horror Story, não espere esse tipo de terror psicológico. Stranger Things é bem mais leve.

Até mais!

Posts relacionados